Mitos sobre o Coronavírus (COVID-19)



Há muitas informações falsas por aí. Estes são os fatos.

📷 Pessoas de todas as idades PODEM ser infectadas pelo coronavírus. Pessoas idosas e pessoas com condições médicas pré-existentes (como asma, diabetes, doenças cardíacas) parecem ser mais vulneráveis ​​a ficar gravemente doentes com o vírus.

📷 Clima frio e neve NÃO podem matar o coronavírus.

📷 O coronavírus pode ser transmitido em áreas com climas quentes e úmidos

📷 O coronavírus NÃO PODE ser transmitido através de picadas de mosquito.

📷 NÃO há evidências de que animais de companhia / animais de estimação, como cães ou gatos, possam transmitir o coronavírus.

📷 Tomar um banho quente NÃO impede o coronavírus

📷 Os secadores de mãos NÃO são eficazes para matar o coronavírus

📷 A luz ultravioleta NÃO DEVE ser usada para esterilização e pode causar irritação na pele

📷 Os scanners térmicos PODEM detectar se as pessoas estão com febre, mas NÃO PODEM detectar se alguém tem o coronavírus ou não

📷 Pulverizar álcool ou cloro em todo o corpo NÃO matará vírus que já entraram no corpo

📷 As vacinas contra pneumonia, como a vacina pneumocócica e a vacina contra o Haemophilus influenzae tipo b (Hib), NÃO fornecem proteção contra o coronavírus.

📷 NÃO há evidências de que lavar o nariz regularmente com soro fisiológico tenha protegido as pessoas da infecção pelo coronavírus.

📷 O alho é saudável, mas não há evidências do surto atual de que comer alho tenha protegido as pessoas do coronavírus.

📷 Antibióticos NÃO funcionam contra vírus, antibióticos funcionam apenas contra bactérias.

📷 Até o momento, NÃO há remédios específicos recomendados para prevenir ou tratar o coronavírus.

Fonte: WHO/OMS (Organização Mundial de Saúde) em 20 de março de 2020


8 visualizações

Campus Universitario Petrônio Portela - Hospital Universitário - Bairro Ininga
CEP 64049-550 Teresina - PI

©2020 por Núcleo de Telessaúde do Hospital Universitário da UFPI